Páginas

domingo, 23 de outubro de 2011

minha droga...

    Já não sei mais em quem acreditar, já não sei mais se eu deveria me emportar, já não sei mais de nada...
    Como você pode? Como você pode ter tanta influência sobre mim? Não quero mais você!Não quero mais saber de você! Você não me faz bem nenhum! Parece até uma droga quanto mais me faz mau mais eu te desejo!... Não, espera, não faz isso! Não, para! Me desculpa! Eu não queria dizer isso...me desculpa...
    Eu gosto dele...( Mais eu te amo)Ele é legal...( Mais você é incrível!)mas ele me faz bem!...( E eu não tenho nada contra o mau que você me faz...)...Eu já não sei mais de nada...
    Não importa o que eu diga, eu já chorei por você, não importa o que eu faça, eu ainda choro por você, não importa o que eu pensa, eu sei que vou chorar por você...você é minha droga, estou viciada em você.
    Tenho raiva de você, mas só por que não pertence só a mim! Você é a única pessoa que me mata e me cura ao mesmo tempo...e nem se quer da conta disso...
     Eu te amo...mas só porque estou viciada em você...

Para Mila...estamos torcendo por você...

sábado, 15 de outubro de 2011

Anjo

"Ela o chamava de anjo. Ele a protegia como um..."

Aniver do blog!

Gente a postagem ta um pouco atrasada porque eu havia decidido não fazer mas mudei de idéia.
Pra uma pessoa que nem freqüentar blogs freqüentava até que eu fui bem em um ano.
Eu consegui 8 comentários( Meus amores me ajudem a melhorar esse numero. Eu adoraria saber a opinião de vocês sobre o blog ou sobre a postagem) 12 seguidores ( Poucos porem de qualidade) 14 postagens (E tem muito mais pela frente).
552 visualizações:
Brasil 505
E.U.A 30
Alemanha 12
Eslovênia 2
Croácia 1
Itália 1

Se não for pedir muito, eu gostaria de pedir a opinião de vocês nos comentários dessa postagem, o que acharam legal, o que podia melhorar...enfim, tudo.
Bem, obrigada aqueles que freqüentam meu blog, e lêem minhas postagens( Até mesmo as bobinhas), obrigado a todos aqueles que observaram e compreenderam os desenhos confusos que são os meus sonhos.

quarta-feira, 28 de setembro de 2011

Revelações

   Fecho os olhos, suas palavras ecoam na minha cabeça, revejo a cena, agora tenho uma nova trilha sonora.
   Olhos fechados - estou andando na rua, escutando revelações das quais já tinha noção, palavras que eu ja sabia que seriam ditas, respostas a perguntas que já havia feito...nenhuma delas queria ter escutado...
   Olhos abertos, estou no meu quarto, deita na cama, abraçando o travesseiro, feliz por ninguem me ver triste, triste por ninguem tentar me fazer sorrir. Soluços, lágrimas se acumulam nos meus olhos
   Suspiros, nunhuma delas escorre.
   Meus pensamentos gritam.
   Suas palavras gritam mais alto...

sábado, 20 de agosto de 2011

Hoje eu sou Alice.

Nove personalidades, uma mente torturada

“Em 'Hoje eu sou Alice' a autora relata a jornada de uma vítima de transtorno de múltipla personalidade, que precisou lutar contra a anorexia, o álcool e contra nove personalidades alternativas que emergiram após ficarem adormecidas diante de uma infância cruel. Sem controle, Alice entregou-se a elas - e sua vida passou a ser um caleidoscópio de acontecimentos e revelações. Este é o relato sobre uma doença e sobre a história de uma mulher que decidiu lutar contra a realidade e a imaginação."

Eu comecei a ler o livro há apenas poucos dias, e não tenho palavras para descrevê-lo.
 
          Alice sofreu abuso sexual de seu pai desde os 6 meses de idade até a adolescência. Durante a narração, ela não nos conta logo de cara por quem são cometidos os abusos, ela nos deixa descobrir lentamente. Quando eu descobri, tive que parar de ler, só para absorver a idéia. Minha mãe pediu para que eu não lesse esse livro, por causa de seu tema, mas aconteceu com alguém, Alice é real, ela deixou vir a tona todas as suas lembranças mais dolorosas para que esse livro fosse escrito, para que o mundo soube-se que aconteceu, e que por mais triste que seja, acontece ainda no mundo inteiro, a vida não é nenhum conto de fadas, e nós precisamos saber disso. Por tanto, quando se deparar com uma cena chocante, não jogue esse livro de lado e nunca mais volte a tocá-lo, se Alice sobreviveu aquelas cenas, você pode muito bem ler elas e sair vivo. 
            “Quem é a menininha do papai?"         "Sou eu "

              Nascida no meio de uma família modelo, com um irmão quatro anos mais velho e um pai e uma mãe que viviam aparentemente bem, Alice se vê perdida entre a confiança depositada na figura paterna e a confusão por tudo o que é obrigada a fazer. Dessa confusão nascem personalidades diferentes, todas elas aparecem como um mecanismo de defesa para afastar Alice de seu pesadelo.
              Cada personalidade de Alice serve para enfrentar uma parte de sua vida que ela não conseguiria enfrentar sozinha, os abusos para ela aparecem como sonhos, não lembranças, e ela se sente culpada por ter pensamentos tão pervertidos.
              Porém, tamanha a tortura psicológica que na adolescência Alice fica anoréxica e ouvindo vozes, passa a se consultar com uma psicóloga indicada pela escola, mas por ainda não enfrentar o problema de frente não consegue se abrir.
              Já na época de seu mestrado, a verdade de tudo o que sofreu cai sobre ela, e é a partir daí que seu mundo desmorona e que ela se vê obrigada e impulsionada a encarar tudo de frente e enfrentar seu agressor. Suas nove personalidades vão desde um garotinho que só chora, passam por uma pré-adolescente que se desvincula de Alice e toma para sim as dores da violência sexual e culmina numa personalidade agressiva, que tem verdadeira repulsão por Alice e por tudo o que ela representa: O Professor.
A busca pela sanidade e os relatos são de uma clareza tão desconcertante que é impossível não sentir ódio e revolta a cada página do livro. Uma leitura forte, onde fica praticamente impossível tirar uma citação que seja apropriada para postagem.
Vou então deixar aqui o relato da própria Alice no prólogo do livro, explicando porque resolveu escrever e contar sua história:
          “Ao longo de toda a minha infância, sofri abuso sexual, físico e emocional, e não contei a ninguém. Este livro descreve como na infância desenvolvi “mecanismos” para lidar com o abuso e como agora, adulta, tenho lutado para levar uma vida normal em meio a períodos de psicose, crises nervosas, vício em drogas e automutilação. Não me desculparei pela linguagem chocante em alguns trechos e pelas verdades indigestas que precisam ser contadas.
O abuso infantil é algo inimaginável para os que não foram vítimas dele, ao passo que  é o inferno para os que sofrem diariamente com o sentimento da vergonha e à noite são tomados pelo medo de que a porta seja aberta e que o homem – quase sempre é um homem – entre em seu quarto. Na maioria das vezes, o abuso se dá em casa e geralmente envolve parentes próximos – pais, irmãos etc.”
Página 13

Alice fala também se o livro servir para que uma pessoa que sofra o mesmo tipo de abuso, não mais se sentir só, e resolver denunciar seu agressor, o desabafo e a exposição terão valido à pena.


          Se você que esta lendo essa postagem já sofreu ou sofre abusos tanto sexual, físico ou psicológico, busque ajuda, você pode vencer isso. E saiba, que se você passou por isso e saiu viva(o), você é a pessoa mais forte que já conheci, você é minha(meu) heróina(herói). O número para denuncias é 181. Boa Sorte. 

domingo, 17 de julho de 2011

E te odeio!- As palavras chegaram como laminas aos meus ouvidos.
Eu fecho os olhos, esperando que você não veja as lágrimas, e falo:
Um dia você disse que me amava...

sexta-feira, 24 de junho de 2011

Para todo o homem que fez uma mulher de idiota, a uma mulher para fazer de um idiota...um homem

quinta-feira, 23 de junho de 2011

sexta-feira, 22 de abril de 2011

Gracinhas sobre THE HOUSE OF NIGHT

eu não ia me aguentar fazer uma postagem sobre minha serie de livros predileta sem fazer uma gracinha sobre o assunto.(Mesmo estando algumas postagens atrasada)
Eu achei muuuito fofa essa imagem, e eu encontrei ela na internet logo antes de indomada.

Eu gostei dessa imagem por que é bem provável que isso aconteça em alguma hora durante a história.

Essa já é mais sombria, mostra mais o sofrimento da Zoey quando o kalona aparece.A pressão que ela passa e a tristeza de ter que sair da Morada da noite.

quinta-feira, 21 de abril de 2011

Entre o Dia e a Noite

Os cabelos escuros como a noite,
olhos claros somo o dia,
porém, não é nem um nem outro.
Assim é você.

E foi entre o dia e a noite,
entre a felicidade e a tristeza
entre as lágrimas e os sorrisos
que você me fez prometer
que jamais choraria por você novamente.

E agora no mesmo lugar,
 na mesma hora
você me deixou perdida,
entre o amor e o ódio
entre a tentação e o dever...
de cumprir sua promessa.

Prometi jamais derramar lágrimas por você,
e você também prometeu,
prometeu jamais me deixar sozinha, 
mas aonde está você agora?

Já é quase dia,
nosso momento já esta acabando
eu aguento, eu aguento até o amanhecer.

Mas antes,
antes de o sol aparecer,
uma lágrima me escorre pelo rosto.

Pauta para Bloíques: 35° edição poemas
tema: Promessa(s)

quinta-feira, 24 de março de 2011

Inuyasha


Pois é gente, eu sou uma otaku, uma viciada em anime!E eu vou falar de um anime que eu assisto desde os 06 anos.
                                         Inuyasha 
InuYasha é um hanyou (meio-yōkai), por ser filho de um yōkai e de uma humana, e vive no Japão feudal. Kagome, é uma colegial comum e reencarnação de Kikyou que mora no Japão atual, e é puxada por um poço misterioso, perseguida por um monstro, e vai parar no Japão na época Feudal (Sengoku Jidai), em um vilarejo. Lá encontra 
Kaede, e enquanto conversam, o mostro volta e tenta matar Kagome, e pegar a Joia de Quatro Almas (Shikon no Tama em japonês) que está em seu corpo, então ela foge para a floresta. Durante a perseguição, ela encontra InuYasha (um meio-yōkai cachorro) que estava selado em uma árvore por uma flecha que foi lançada por Kikyou (falecida irmã mais velha de Kaede e encarnação de Kagome). Ele acorda e a chama de Kikyou, mas quando percebe que não é ela (depois Kaede revela que Kagome é a reencarnação de sua irmã), pede a Kagome para soltá-lo para salvá-la do monstro que a perseguia. Ela o solta, e ele destroi o monstro. Logo tenta matar Kagome também, para pegar a Joia de Quatro Almas, mas Kaede aparece e joga no pescoço de InuYasha um rosário, pedindo para que Kagome fale uma palavra espiritual (qualquer palavra), que ela seria a chave para acalmar InuYasha. Ela fala "Senta" (osuwari em japonês) inspirada nas orelhas do yōkai, e ele cai no chão. No outro dia, um yōkai corvo engole a Joia de Quatro Almas, e na tentativa de resgata-la, Kagome atira uma flecha nele, mas que acaba acertando a Joia de Quatro Almas também, que é despedação em centendas de pedaços e espalhados por todo Japão Feudal. Inuyasha, mesmo não gostando de Kagome(por ela ser muito parecida com Kikyou) é obrigado a se juntar a ela para juntar os fragmentos da Joia de Quatro Almas. Eles passam a depender um do outro pois Kagome sente a presença dos pedaços da Joia de Quatro Almas, e InuYasha a protege contra os monstros que aparecem no caminho. InuYasha quer a joia para se transformar em um yōkai completo e mais poderoso, e Kagome porque a despedaçou e tem essa obrigação. No começo os dois se odeiam, mas depois começam a se apaixonar.

Gente o anime é muito divertido, vale apena assistir!

Beijos Ge...

quarta-feira, 9 de março de 2011

Uma amizade para toda a vida...

  As grandes mudanças da vida vem sutilmente...
  Quando eu tinha 6 anos eu nem sonhava que ia encontrar a garota mais orgulhosa, imprevisivel e louca de São Paulo!
    Mais eu também nem imaginava que eu ia encontrar a garota mais divertida, carinhosa e fiel que eu poderia achar.
     Minha melhor amiga tem todas essas qualidades...e mais algumas...
     Como eu disse, as maiores mudanças vem sutilmente, mais tem um impacto íncrível na sua vida! Quando eu tinha 6 anos esse impacto aconteceu...
E essa vai para Ana.

By : Geovanna S.

domingo, 13 de fevereiro de 2011

Eu li...The house of night.

The House of Night

O que o submarino diz:

"Bem-vindo ao mundo de The House of Night, um mundo parecido com o nosso, exceto pelo fato de que nele os vampiros sempre existiram!

Zoey acaba de ser marcada como uma vampira, ela terá que se afastar de seus amigos e de tudo aquilo que fazia parte da sua vida até então. A menina vai se transformar em vampira e usufruir de poderes que nem imaginava possuir. Mas para isso ela precisa suportar o difícil período de transformação, caso contrário morrerá..."

 O que Eu digo:

   A série é muuuuito engraçada e misteriosa, nos prende do início ao fim. Você não enjoa da história porque sempre tem alguma nova.Mas isso também pode ser um problema porque se não der para você comprar, por exemplo, o volume 5 e ir direto para o 6 você vai ficar completamente perdido, mas a série é boa( Mesmo para que não curte muito o tema "vampiros", ela também tem os draminhas adolecentes básicos). Rolo boatos no blog da autora que ele vai se tornar filme( Prece silenciosa para que o roteirista não mude a história), mas esses boatos não são de agora e se for verdade o filme ainda esta em andamento.
       Dizem por ai que a série teria 12 livros, já foram lançados 11, será?Os livros são:
Marcada, Traída, Escolhida, Indomada, Caçada, Tentada, Queimada, Dspertada, Destinada e Escondida.
     Sem falar que a série tem uns livros que contam história meio que "por fora" da trama principal, cujo o foco são personagens que não tiveram tanto destaque nos livros acima mais de que ainda se tinha muito pra falar, esses livros são: O voto de lenobia e o juramento de dragon.
Boa leitura!

domingo, 9 de janeiro de 2011

Recomeçar

" Não importa onde você parou... Em que momento da vida você cansou... O que importa é que sempre é possível recomeçar. Recomeçar é dar uma nova chance a si mesmo... É renovar as esperanças na vida e, o mais importante... Acreditar em você de novo... "


Carlos Drummond de Andrade


 Cada novo dia é uma chance de recomeçar, e trás consigo - como marca registrada - o nascer do Sol. Cada novo feixe de luz, vem salpicado de esperança, brilhando de tantas chances, e perfumado de possíbilidades.
E, como show de encerramento, o dia termina banhado a luz da Lua. Ah...a Lua. Ela que nos serve de lembrete das conquistas do dia, que nos acalma com a luz branda ... nos enche de esperança...como se sussurrasse ... Recomeçar...